sábado, junho 08, 2013

NOTÍCIAS DE BABILÓNIA XXVII

 
 
Existe em Babilónia um génio. Agarra os babilónicos pelos pés e sacode-lhes os últimos cêntimos. Outros são degolados, com a promessa de eterna felicidade...
 
Seus fiéis (cada vez mais raros) clamam – “salvé  Kaspar, o patriota!...” . A praça ri-se a bandeiras despregadas...
 
Os babilónicos gemem. E temem... Muitos se indignam...
 
Hammurabi, o legislador, cercado de apupos, teima. No desastre e nas teimas... E raspa-se veloz, por caminhos travessos. Acossado...
........................................
 
E um velho estrangeirado, de sete partidas andarilho e muito mundo: “Hammurabi, o legislador, anda de passo trocado – unam-se babilónicos e libertem-se!...”   

8 comentários:

Lídia Borges disse...


Um génio?!

Em Babilónia já os significados [des]significam.
Este estado de coisas pede mudança de página e de atores que a História se faz incivil.


Um beijo

jrd disse...

Não falta muito para o Hammurabi trocar definitivamente os pés.
Está nas mãos dos babilónicos o empurrão final.

Abraço

Sandra Subtil disse...

Que assim seja.

Cumprimentos

O Puma disse...

Não sei o que virá depois

mas sei que não vou por aqui

e já é tanto

Miosotis disse...

Desperto, no 'reino da Babilónia'...

Um beijo, Herético!

anamar disse...

FIM... espera-se.
Abraço

jorge esteves disse...

A verdade é que nem o Hammurabi 'anda', nem os babilónicos se 'unem', muito menos, na praça, a criança berra que o génio, sem lâmpada, há muito que... vai nú'!...
abraço.

jorge

Mel de Carvalho disse...

crónicas imperdíveis, estas.

lamentavelmente, citando o comentarista anterior, repito:
"A verdade é que nem o Hammurabi 'anda', nem os babilónicos se 'unem'", e, neste estado de coisas, a agonia do povo é certa e lenta.

fraterno abraço
Mel