sábado, novembro 02, 2013

NOTÍCIAS DE BABILÓNIA XLII


Em Babilónia prossegue a falta de pão. E a barafunda...

Sub-Hammurabi, o embusteiro, tira da cartola o “guião”. Para leiloar – como sucata - a carcaça do velho barco atascado...

Salta sobre todas as “linhas vermelhas” por si traçadas - e, devoto, invoca em vão a restauração da Pátria.

A praça ensurdece os ares com assobios...
...........................................................................................

E um velho aposentado, orgulhoso e alquebrado de fadigas: “Roma não pagava a traidores - defenestrem-no, babilónios!... Sejam dignos do passado! “

 

8 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Defenestrem-nos a todos. Sobram janelas nos palácios...

quem és, que fazes aqui? disse...


Não sei se as haverá em número suficiente. As do Paço (entenda-se Terreiro) são demasiadamente baixas...

Beijo e bom domingo.

Laura

São disse...

Estas vis criaturas são mais traidoras e mais sujas que Miguel de Vasconcelos, que nem fora criado em Portugal e estava ao serviço de um rei cuja subida ao trono português se deveu , exclusivamente, à tontice de Sebastião e ao ódio do cardeal Henrique a seu sobrinho António, prior do Crato.

Bom serão

Helena disse...

"A praça ensurdece os ares com assobios..."
E somente o velho aposentado parece conhecer a solução.

GL disse...

Será que o homem é daltónico?!

Bom Domingo.

Abraço.

Lune Fragmentos da noite com flores disse...

Arguto, como sempre...

Beijo, 'Herético'

jrd disse...

É preciso que ele volte às feiras mas desta vez para ser exibido, como animal perigoso, em vez de se exibir.
Abraço

Lídia Borges disse...


Não se aproveita nada destes usurpadores do reino...

Lídia