quarta-feira, dezembro 09, 2015

GRAÇA PIRES - "UMA CLARIDADE QUE CEGA..."


“Trago na areia uma linha em movimento
De onda e rodo sobre mim mesma
Quando as marés me bailam nas ancas.
Esta dança é em mim errática sedução.
O interlúdio da seda perfumada
Em que me envolvo.
O jogo sensual no chão do peito,
Como grito erguido sobre a língua.
Vem, cadência de música!
Suspende o silêncio que escorre
Em pausas onduladas como água.
Acrescenta-me à partitura
Ou ao gesto ensaiado e cerzido
Nas rugas de meu corpo.
Vem e desliza inteira no êxtase de luz.”

Graça Pires – “Uma Claridade Que Cega”- Poética Edições – pág.13

“Cravo as unhas na carne da indiferença.
Escrevo sangue
Com lápis gasto pela culpa acorrentada
À cegueira que desfoca os olhares
Na bastardia dos abraços.
Digo fome
Com os dentes colados à secura dos trigais
E às sobras rapadas nas latas de lixo.
Leio dor. Dolorosamente.
Em lugares desabrigados,
Em portas franqueadas aos rasgões
Da vida rondada pela morte”

Graça Pires – “Uma Claridade Que Cega”- Poética Edições – pág. 33


Parabéns, GRAÇA. Belo teu novo livro! 

11 comentários:

Lídia Borges disse...



«[...]puríssima luz, só visível em gramáticas de espanto...] - Graça Pires

Sublime Graça Pires!

Bj.

Lídia Borges disse...


«[...]puríssima luz, só visível em gramáticas de espanto...» - Graça Pires

Sublime GRAÇA PIRES

Bj.

Graça Pires disse...

Obrigada, meu amigo pela divulgação.
Um beijo meu.

Graça Sampaio disse...

Uma claridade que cega, mesmo!! Que ilumina, que vai à frente.
Também gosto muito da sua forma de poetar.

Beijinhos poéticos...

Laura Santos disse...

Poesia de excelência, a de Graça Pires! Gostei muito.
xx

Jorge Castro (OrCa) disse...

E sabes tu que na minha recente deslocação ao Porto, desaguei, assim como quem não quer a coisa, na apresentação deste livro de Graça Pires, com edição da Poética Edições, na Unicepe, ali para os lados da praça Carlos Alberto? E achei por bem dizer dois dos poemas do livro... Andamos, como se vê, sempre por perto e bem acompanhados.

Teresa Durães disse...

Já o tenho, Parabéns Graça Pires pelo livro!

MARILENE disse...

Graça, puro talento! Sua poesia merece aplausos. Abraço.

lis disse...

Só excelência, na poética da Graça Pires.
_ embutido no título toda a luz que vem ,e me envolve,inteira.
Gosto muito,heretico
obrigada por compartilhar.

© Piedade Araújo Sol disse...

muito bons!
parabéns à "nossa" Graça!
bom final de semana.
beijo

:)

AC disse...

Da Graça conheço o talento, que é imenso.

Abraço