sábado, abril 06, 2013

NOTÍCIAS DE BABILÓNIA 16


Havia em Babilónia um barco, outrora engalanado...

Por inépcia dos timoneiros e incúria dos homens, o barco ficou encalhado. E mete água – a bombordo e a estibordo...

Grande alarido na praça pública – “que todos devem remar para o mesmo lado”, gritam alguns.

Outros, porém, proclamam que apenas com um reboque estrangeiro o barco se salva...

Há até quem defenda – suprema heresia – que Hammurabi, o legislador, deve ser apeado...

... E as crianças, quais formiguinhas, brincando ao pé-coxinho: “mudem de rumo, mudem de rumo...”

................................................

Um velho poeta, sábio e semilouco, de mão estendida à caridade, antecipando o grito: - “Spartacus, precisa-se!...”

 

14 comentários:

Beatrice Mar disse...

e eu quero voltar para a ilha...encantada.

:)

São disse...

Faço coro -em alto e bom som - com o Poeta!!

Fica bem.

Estela disse...

Vim do blog da São, atraída pelo seu relógio de pêndulo... Na minha casa (dos meus pais) tem um relógio assim, e eu aprendi a ver e ouvir as horas com as suas badaladas.
Vim pelo relógio e gostei do que vi aqui...um blog bom de se ficar sem se preocupar com a hora.
Bjs.

quem és, que fazes aqui? disse...


Sabes que gosto destas notícias!

Beijo

Laura

(e fico à espera de um Spartacus)

Rogério Pereira disse...

Os poetas, sábios e loucos gritam sempre com uma ponta de ironia... fosse ele actual e o grito seria gritado numa manhã de nevoeiro

© Piedade Araújo Sol disse...

Spartacus teve um papel importante na revolta dos escravos...

beij

Maria João Brito de Sousa disse...

Precisamos de "abanar" o Spartacus que dormita em cada um de nós...


Abraço!

Rosa dos Ventos disse...

E temos de mudar de rumo!

Abraço

heretico disse...

Meu caro Rogério,

"fosse ele actual" diria que Spartacus é uma pessoa colectiva...

abraço

jrd disse...

É preciso um sentido diferente e um ou vários Spartacus que o aponte(m).

Abraço

Lídia Borges disse...

Tenho um fraquinho pelos loucos. Guardam um brilhozinho secreto nas pupilas…


Um beijo

lis disse...

... e até podemos ouvir os 'hereticos' num grito sábio: meu deus porque me abandonastes? rs
abraços abraços

Virgínia do Carmo disse...

Como a Lídia, também tenho um fraquinho pelos loucos....

Um abraço, Manuel

Ana Tapadas disse...

Quadro perfeito daquilo que vivemos!

bjs