sábado, junho 10, 2023

GLORIFICAÇÃO DA LUZ

 

Tuas mãos são meus olhos num jogo

de luz e sombra. Por teus dedos

busco  afastar a névoa

e regressar à luz

de que és  promessa

ou talvez sejas Devoção…

 

e teus gestos magia

e encanto dos teus olhos

a glorificarem  a luz e a vencer as trevas

como se foras sopro divino ou bênção

a caminharem  por teus dedos

e sábias mãos…

 

Manuel Veiga

5 comentários:

- R y k @ r d o - disse...

Fabuloso. Lindo de ler
.
Feliz fim de semana
.
Pensamentos e devaneios poéticos

Ailime disse...

Boa tarde Manuel,
Magnifico poema expresso em belos gestos de amor.
Um beijinho e um bom fim de semana.
Ailime

lis disse...

Bonito mVeiga
_lembra as mãos quando enroscam umas nas outras
são também assim como 'sopro divino ou benção' ...
Meu abraço e bom dim de semana

Maria João Brito de Sousa disse...

Esplêndido poema!

Um abraço, Manuel!

Olinda Melo disse...


Olá, Manuel Veiga

Magia pura nos versos deste belo
poema. Jogo de luz e sombra em
que a glorificação dos gestos
ganha forma e vida.

Abraço
Olinda

Precários Meus Gestos

Assento meus passos nas raízes Que talham meu porte E prossigo   Minha sede É murmúrio das nascentes E calor de solstícios  ...