domingo, junho 30, 2019

CARTAS DE MAREAR




Cartas de marear
Na coreografia dos sentidos

E a música das palavras.
Gestos de navegar. Subtis ondas
De ti em mim.

Teu corpo barco
E minha boca declive
E marinhagens
Acesas

Chama. E flor do grito.
E mar aberto.


Manuel Veiga


Sem comentários:

UM BREVE ESBOÇO...

  Na gaveta das minhas horas peregrinas Busco algum fervor cálido. E íntimo. E um pouco de alquimia Ainda… E deparo com um breve...