quarta-feira, Outubro 22, 2014

MOVIMENTO ERRADICAR A POBREZA



CONCENTRAÇÃO / DESFILE - 24 DE OUTUBRO - 17H30 - CHIADO - LISBOA

PELA ERRADICAÇÃO DA POBREZA

PARTICIPE! DIVULGUE

.............................................................................................................................................

AS REFEIÇÕES NAS CANTINAS SOCIAIS AUMENTARAM 33% DESDE 2012

O INDICADOR DE RISCO DE POBREZA SUBIU PARA O VALOR MAIS ALTO DESDE 2005

APROXIMADAMENTE 2.3 MILHÕES DE PORTUGUESES CONTINUAM SEM CONSEGUIR PAGAR, OU COM MUITAS DIFICULDADES, AS DESPESAS BÁSICAS

EM 2013 O ESTADO PEDIU A PENHORA DE MEIO MILHÃO DE SALÁRIOS

A CRISE ECONÓMICA E SOCIAL LEVOU A NATALIDADE PARA MÍNIMOS HISTÓRICOS

EM 2013 NASCERAM EM PORTUGAL 82.000 BEBÉS (O MÍNIMO DESDE QUE HÁ REGISTO)

120 MIL CRIANÇAS SOFREM COM FALTA DE COMIDA

PORTUGAL FOI DOS PAÍSES ONDE O PESO DO RENDIMENTO DOS 1% MAIS RICOS, MAIS CRESCEU EM 2013.

terça-feira, Outubro 21, 2014

... E NO ENTANTO EM TEUS OLHOS



Vens autêntica em tua benevolência cálida
Dulcificando em mim a noite cerebral
Ungindo esquecidas glórias
Adejantes como fogueiras vãs
Que apagadas ardem e nas cinzas
Se ateiam...

Bem sei (ambos sabemos)
Que o tempo corre por vezes bálsamo
Outras apenas flor de zimbro
Insignificante em seu devir
Estéril como promessas por abrir
Cumprindo rotas sem registo...

E no entanto em teus olhos
Bebo o fruto cristalino das árvores inventadas
Antigas falésias debruçadas
Ventos sobre os dedos
Mãos abertas quais barcos caminheiros
Em generosa dádiva...

Que mais importa ao poeta
Senão cumprir-se?...

Não se pede ao arco que corra atrás da flecha
Nem à flecha que abandone a meta
Traçada...

Manuel Veiga



sábado, Outubro 18, 2014

NOTÍCIAS DE BABIÓNIA LXI


Babilónia é um alfobre de génios – e de saídas airosas...

Hammurabi, o legislador, abjura o “fundamentalismo orçamental” - como as eleições exigem!... Mas “não tem cara” para defender em Bruxelas a baixa impostos...

Um dia, porém, quando os babilónicos forem mais esmifrados ainda, então sim, escorrerão bênçãos fiscais pelas ruas de Babilónia – por ora Hammurabi limita-se a anunciar uma compra a fiado...

A Praça entreolha-se e invoca o Espírito Santo para rentabilizar o generoso crédito que Hammurabi, o legislador, lhe irá pagar mais tarde...
....................................................................
E um velho taberneiro, roído por mazelas e dívidas: “Sei do que falo - também eu fio aos maiores de 80 anos, quando acompanhados pelos pais...”

“Queres fiado? Toma!... Babilónicos, façam-lhe um grosso manguito!...”